Nota da rede Jubileu Sul Brasil sobre a criminalização de protestos e manifestantes no Rio de Janeiro, Brasil

A luta contra o neoliberalismo não se resume apenas à economia. E nem poderia ser diferente, visto que o avanço dos mercados sempre é acompanhado pelo avanço das forças repressivas, da criminalização dos movimentos sociais e da militarização cada vez maior de nossas sociedades. Por isso, a rede Jubileu Sul Brasil sempre teve como eixos centrais a denúncia das dívidas, por um lado e, por outro, a resistência contra a criminalização daqueles que ousam lutar por um mundo diferente, centrado na vida e não nos lucros das elites nacionais e internacionais.

A caminho da Rio +20 e mais além…

Documento de posição do Jubileu Sul Brasil e Américas. Frente à mercantilização da vida e da natureza: Nossas resistências e alternativas! Basta de “falsas soluções” à Mudança Climática. A Rede Jubileu Sul, desde sua constituição, em 1999, assumiu a tarefa de contribuir para o aprofundamento da relação existente entre a dívida financeira ilegítima reclamada a […]

Frente à COP 17 em Durban e Rio+20 organizações dizem não aos mecanismos de mercado

O grupo Carta de Belém posiciona-se favorável à justiça ambiental e climática e denuncia os sucessivos fracassos em relação às falsas soluções de mercado negociadas pelos governos, dentre eles o Brasil, os quais continuam insistindo nestes mecanismos como solução para a crise climática. Apesar dos sucessivos fracassos em relação às soluções de mercado propostas nos […]